O aplicativo “Pagar ou Parcelar?” é de uso imediato para o consumidor que vai fazer uma compra e precisa decidir entre comprar em parcelas ou à vista com desconto. E o comerciante? Ele também pode usar Pagar ou Parcelar? Siiim!

Consideremos que na sua loja há um produto de preço R$ 1000,00. Você quer oferecer a facilidade de o cliente comprar pagando parcelado em dez prestações iguais de R$ 100,00. De modo a estar preparado a negociar com os clientes, você deseja saber qual o maior desconto que vale a pena oferecer para pagamento à vista. Pode ser um desconto de 5%? Por que não oferecer logo 20% e deixar o cliente feliz pagando à vista? Qual o valor limite até o qual vale a pena vender à vista com desconto sem perder dinheiro?

imageA resposta é “depende”. Depende de quanto vale para você antecipar as parcelas e ter dinheiro em caixa, mesmo que dando um desconto. Considere que sua empresa, por exemplo, tem empréstimos com os bancos e o valor mais baixo da taxa de juros que a empresa paga é de 3% ao mês. Para saber o maior desconto que o comerciante pode oferecer, preencha os campos do aplicativo Pagar ou Parcelar com os valores do preço, número de parcelas e a taxa de juros que a empresa paga ao banco. No nosso caso, os valores são, respectivamente, 1000, 10 e 3. Clique em “calcular”. O resultado é R$853,00. Este é o menor preço que o comerciante pode oferecer para o cliente e ainda ser vantajoso financeiramente. Se o desconto for maior, o comerciante já vai ter prejuízo. Será melhor vender parcelado.

imageExplicando o resultado:
Para saber qual o valor mínimo que você aceita fazer no preço, devemos calcular o valor atual da série de pagamentos das dez parcelas usando sua taxa de atratividade. E qual é essa taxa no caso do comerciante? São os juros mais baixos que ele está pagando nos seus empréstimos, no nosso exemplo, 3% ao mês. Usando a fórmula da matemática financeira que calcula o “valor presente“, encontramos o preço R$853,00.

O que quer dizer esse valor? Este é o preço com maior desconto que você pode oferecer. Um valor menor que R$853,00 recebidos à vista não serve para reduzir de maneira vantajosa suas dívidas nos empréstimos. Nesse caso, é melhor receber as parcelas e usá-las para ir abatendo o empréstimo, melhorando seu fluxo de caixa nos próximos dez meses. Qualquer valor acima de R$853,00 é bom financeiramente para fazer a venda. Se o abatimento para o pagamento à vista for, por exemplo, de R$100,00, fazendo o valor à vista de R$900,00, é bom negócio para seu estabelecimento. Você poderá usar esse dinheiro para pagar seus empréstimos tendo ganho financeiro. Seria como você pegar um empréstimo a juros menores que 3% ao mês para quitar um empréstimo que fez na taxa 3% ao mês. Um bom negócio.

imageSe sua empresa está com dificuldade em obter crédito e está pagando juros de 4% ao mês, o valor limite até o qual pode ser dado desconto pula para R$811,00. Vale a pena oferecer um desconto de até 18,9% (fazer o preço à vista de R$811,00) e ainda assim você terá ganho financeiro. O dinheiro recebido à vista poderá ser abatido da dívida dos empréstimos caros que está pagando.

O exemplo apresentado trata dos aspectos dos juros que se aplicam em um pagamento parcelado. Um comerciante deve considerar vários outros aspectos da estratégia de venda. Tratamos aqui de dinheiro à vista. Existem riscos nas transações financeiras que também devem ser avaliados. Um cheque para o pagamento à vista pode estar sem fundos. A inadimplência pode estar alta e o risco em receber parcelado se tornar maior, sendo mais vantajoso buscar receber à vista. O cartão de débito tem taxas de administração e prazo para o dinheiro chegar às suas mãos que também devem ser levados em conta para estabelecer a política de descontos.

Resumo: Tocar uma empresa é muito complicado.